19.5 C
Brasil
7 de dezembro de 2019
Mercado

Iraque vai credenciar mais quatro frigoríficos brasileiros

Uma missão do Ministério da Agricultura do Iraque virá ao Brasil em setembro para conhecer e avaliar quatro frigoríficos com o propósito de credencia-los como fornecedores de carne bovina congelada ao mercado iraquiano e abrir espaço para mais empresas brasileiras. Segundo Jalal Chaya, vice-presidente da Câmara Brasil Iraque, serão avaliados três frigoríficos de Rondônia e um em São Paulo.

De janeiro a julho deste ano as vendas de carne de boi congelada ficaram abaixo do mesmo período de 2018. Em sete meses os exportadores brasileiros faturaram US$ 5,7 milhões enquanto de janeiro a julho do ano passado as vendas totalizaram US$ 8 milhões. A Câmara entende que o valor menor é reflexo do aumento do interesse local por animais vivos.

Este ano os criadores brasileiros faturaram US$ 60 milhões com a venda de bois vivos. Já de janeiro a julho de 2018 as exportações somaram US$ 8, 7 milhões. “Credenciar os novos frigoríficos representará ampliação de oportunidades e não substituição de vendas”, conclui Chaya.

As exportações brasileiras ao Iraque cresceram 25% no primeiro semestre de 2019 com relação ao mesmo período de 2018. Em seis meses foram faturados US$ 258,5 milhões.

Os produtos que lideram as vendas são açúcar de cana, frango, boi vivo e tubos utilizados pela industria de petróleo e gás. A pauta se completa com máquinas para construção civil, artigos ortopédicos, odontológicos e móveis em geral.

Related posts

França cria imposto sobre gigantes de tecnologia

Redação Logística Brasil

Venda de caminhões avança 66% em fevereiro

Carlo Fracalanza

Movida está entre as 50 empresas de destaque do mundo emergente

Carlo Fracalanza

Deixe seu comentário